ESCRITOS DO GABRIEL

(Tentar que nossas palavras sejam, através de nós ou, quiçá, apesar de nós.
Meus textos, meus rascunhos com erros... )



"Então, um dia comecei a escrever, sem saber que estava me escravizando para o resto da vida a um senhor nobre, mas impiedoso. Quando Deus nos dá um dom, também dá um chicote – e esse chicote se destina exclusivamente à nossa autoflagelação."

Introdução do livro Música para Camaleões, de Truman Capote.

domingo, 19 de junho de 2011

Ela

Ela tenta completar-se
com ele dentro.
Ele apenas despeja seu vazio.
Ela continua incompleta.
Ele cruel.
Ela crua.
Ele expira.
Ela guarda.
Ele esquece.
Ela floresce.
Ele não importa.
Ela aprende
que nem tudo sai
se desaparece.

8 comentários:

Marie Myriam disse...

Adorei...tão simples e cheio de significado! Obrigada!

Gabriel Gómez disse...

Obrigado também Marie... Desde Lisboa, que chique...
Apareça sempre.

maria disse...

Que coisa mais bonita!!
O poeta num viés tão feminino ou, porque não dizer, quase feminista!
Belo,como sempre!
abs.
maria

Gabriel Gómez disse...

É... De certo, o bem e o mal não escolhe lado... Deve ser de tanto ler e escutar Chico... Que bom!
Abraço!
Obs: Parabéns pelo novo Blog...

Anônimo disse...

Ahhh, se todo escritor mostrasse seu lado feminino, a literatura não teria lado.
Adorei também.

Regina Carvalho disse...

E nem tudo desaparece quando sai. AMEI a ilustração, como sempre. bj.

Gabriel Gómez disse...

Pois é regininha...
Apenas desaparece o descartável...
Bj.

Cassandra disse...

Bom dia!

Lindo poema!
Pela visão de uma mulher,todos os desejos contidos se transformam em alegria de viver, em capacidade de ser feliz: o amor compartilhado é uma fonte não somente de poesia, de felicidade, de segurança, mas também de força e de valor. Os que cultivam este amor pertencem aos que no mais alto grau enxergam o segredo da virtude. A virtude pode ser tida como o resumo de todas as qualidades que florescem nessa condição. Onde encontramos corações firmes e amorosos, os olhos ficam clarividentes, os abraços capazes de grandes emoções. Essa sublime consciência de dignidade e força, é a mais alta das recompensas.
Quando um homem é capaz de amar, é digno de ser amado.
Vinícius poetizou:

Beleza tem que ser completa…

…senão é como amar uma mulher só linda; e daí?
Uma mulher tem que ter qualquer coisa além da beleza
Qualquer coisa de triste, qualquer coisa que chora
Qualquer coisa que sente saudade
Um molejo de amor machucado,
Uma beleza que vem da tristeza de se saber mulher,
Feita apenas para amar, para sofrer pelo seu amor
E para ser só perdão.

Beijo.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails