ESCRITOS DO GABRIEL

(Tentar que nossas palavras sejam, através de nós ou, quiçá, apesar de nós.
Meus textos, meus rascunhos com erros... )



"Então, um dia comecei a escrever, sem saber que estava me escravizando para o resto da vida a um senhor nobre, mas impiedoso. Quando Deus nos dá um dom, também dá um chicote – e esse chicote se destina exclusivamente à nossa autoflagelação."

Introdução do livro Música para Camaleões, de Truman Capote.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Autografados e abandonados (7)

Caprichos
&
Relaxos

Paulo Leminski

1º Edição
Autografada em 1985

Deste livro:

a noite
me pinga uma estrela no olho
e passa

---

apagar-me
diluir-me
desmanchar-me
até que depois
de mim
de nós
de tudo
não reste mais
que o charme
----
parem
eu confesso
sou poeta
cada manhã que nasce
me nasce
uma rosa na face
parem
eu confesso
sou poeta
só meu amor é meu deus
eu sou o seu profeta

2 comentários:

Jonatan Lopes disse...

fato, ele é poeta

Gabriel Gómez disse...

Que bom ter você por aqui Jonatan!O blog está de palavras abertas, fica a vontade... Já comecei a ler aquela fila de livros... Abraço.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails